Compartilhar

A família é um apoio importante na construção de nossos hábitos de saúde.  Envolver todos os membros na hora de criar e manter um estilo de vida saudável é essencial para alcançar um estado de bem-estar geral.


 
Os laços familiares forjam nossa identidade desde que nascemos e é vital "nutrir-se" de afeto e deste tipo de experiências. Elas são fonte de inspiração e nos ajudam a desfrutar de uma boa qualidade de vida em cada etapa do nosso desenvolvimento. 


 
Contar com o apoio de nossos parentes é muito importante e pode fazer a diferença na evolução favorável de certas doenças. Isto é especialmente importante se levarmos em conta a solidão de idosos, que os torna mais vulneráveis e suscetíveis a doenças físicas e/ou mentais. Como consequência, ocorre uma diminuição da autonomia e o aumento do isolamento das pessoas, além de um aumento da angústia, demência e depressão. 


 
De acordo com a Organização Mundial de Saúde, a saúde é "um estado de completo bem-estar físico, mental e social, e não somente a ausência de problemas ou doenças". Adquirir hábitos de vida saudáveis em companhia de sua família lhe ajudará a mantê-los, assim como melhorar a qualidade do seu estilo de vida. 


 
Os hábitos de vida saudáveis são um conjunto de atitudes que vão se adotando com o passar do tempo.

 
 
1. Alimente-se de forma saudável


 
Seguir uma dieta saudável é importante para ter uma boa saúde. Procure incorporar verduras, frutas, grãos, proteínas (carne, frango ou peixe), laticínios, proteínas de origem vegetal como as leguminosas e alimentos que fornecem o valor nutricional adequado de vitaminas e minerais, com baixo teor de carboidratos simples à alimentação diária da sua família. Por outro lado, reduza o consumo de álcool e evite o consumo de tabaco.


 
Consulte um médico e/ou nutricionista para saber as melhores opções de alimentação para você e sua família, de acordo com as suas necessidades. Atualmente, existem produtos como a linha Ensure®, criados especialmente para suplementar a alimentação. Essa linha de produtos pode ser recomendado diariamente por seu profissional de saúde, especialmente para adultos com necessidades particulares de nutrição. 

 

2. Faça atividade física


 
Incorporar um programa completo de exercício à rotina familiar ajudará a manter um ótimo estado de saúde.  Além de estimular a convivência entre os integrantes da família e a interação com outras pessoas, realizar atividades físicas de maneira regular permitirá fortalecer os ossos, os músculos e o coração, aumentar a capacidade pulmonar, melhorar os níveis de energia e o estado de ânimo, além de controlar o peso.


 
A Organização Mundial de Saúde recomenda que os adultos pratiquem atividades físicas variadas, de maneira regular, 2 ou 3 vezes por semana. Você pode consultar a guia da OMS sobre Atividade Física e Comportamento Sedentário para conhecer mais sobre estas recomendações.  Entre os exercícios que você e sua família podem fazer se encontram os aeróbicos, como caminhar, correr ou andar de bicicleta; e as atividades de fortalecimento muscular, como musculação ou flexões. 
Converse com o seu médico e educador físico para criar um programa de exercícios que mais se adapte às suas preferências e garantir que, qualquer que seja a atividade física que estejam começando, ela responda às necessidades e etapas de desenvolvimento de cada integrante de forma segura e eficiente. 


 
3. Durma o suficiente


 
Todos precisamos dormir o suficiente para manter o funcionamento do nosso organismo. Em média, um adulto precisa dormir entre 7 e 8 horas e desfrutar de um período de sono de qualidade. Estabelecer um horário para dormir e acordar relaxado e descansado é uma boa rotina para você e sua família.


 
Independentemente dos hábitos que esteja a ponto de modificar ou incorporar, é importante que você tire um tempo para escutar as necessidades e os desejos de cada um dos integrantes da sua família para manter a motivação e fazer com que eles se sintam bem durante o processo.


Lembre-se de que qualquer fase da vida é ideal para iniciar uma mudança positiva e que você sempre deve consultar um especialista em medicina e nutrição.

 

 

BIBLIOGRAFIA

 

1.    Organización Mundial de la Salud. (s.f.). Constitución. https://www.who.int/es/about/governance/constitution
2.    Organización Mundial de la Salud. (s.f.). La salud mental y los adultos mayores. https://www.who.int/es/news-room/fact-sheets/detail/la-salud-mental-y-los-adultos-mayores 
3.    Organización Panamericana de la Salud. (s.f.). Curso de vida saludable. www.paho.org/es/temas/curso-vida-saludable
4.    National Institutes of Health. Biblioteca Nacional de Medicina (2021). Vida Saludable. https://medlineplus.gov/spanish/ency/article/002393.htm
5.    Organización Mundial de la Salud. (s.f.). Actividad física. https://www.who.int/es/news-room/fact-sheets/detail/physical-activity
6.    US Department of Health and Human Services. Office of Disease Prevention and Health Promotion (2021). Cómo llevar una vida sana. https://health.gov/espanol/myhealthfinder/temas/llevar-vida-sana