Compartilhar

A situação da saúde em todo o mundo alterou muitos aspectos do nosso estilo de vida. Fazer todas as nossas atividades em casa e limitar as interações sociais é desgastante e tem impacto na saúde física e mental das pessoas, com grandes índices de estresse, ansiedade e até depressão. 
 

Por isso, é importante buscar estratégias melhores para promover o autocuidado, manter nosso bem-estar, independência e a estabilidade emocional.
 

A Organização Mundial da Saúde afirma que "a saúde mental e o bem-estar são fundamentais para nossa capacidade coletiva e individual de pensar, expressar sentimentos, interagir com os outros, trabalhar e desfrutar a vida". Assim, buscar a recuperação e manutenção das interações sociais com amigos e familiares é uma grande ajuda para enfrentar os desafios do contexto atual. 
 

Além de estabelecer medidas para cuidar da saúde física, como dormir bem, praticar atividades físicas, manter uma alimentação saudável e evitar o consumo de substâncias nocivas, recomendamos que você descanse e considere outras medidas para cuidar da mente e se reconectar com as pessoas que você ama. 
 

1.    Conecte-se

 

Seus familiares e amigos, a família que você escolheu, são uma rede de apoio confiável para buscar cuidados e suporte.
 

Mesmo que você tenha enfrentado sozinho o período de confinamento, não se esqueça de que há muitas pessoas importantes ao seu redor que querem estar e aproveitar a vida ao seu lado. Basta encontrar maneiras de se conectar, inclusive com as novas tecnologias. 
 

2.    Procure ajuda

 

Se você sentir que não tem a quem recorrer, procure ajuda. Evite se isolar e pensar que está sozinho. Busque uma maneira de entrar em contato e expresse como você se sente. 
 

Reserve um momento do dia para enviar mensagens ou estabelecer conexões virtuais em sessões individuais ou em grupo e tente manter uma rotina de contato para conversar a respeito das suas emoções ou apenas contar como foi seu dia. 
 

Se você estiver passando por um processo de reabilitação por causa de uma doença ou após um procedimento cirúrgico, também é muito importante buscar o apoio de amigos e familiares:
 


1.    Peça conselhos sobre novas formas de recuperar a independência em suas atividades.
2.    Planeje atividades que vocês gostam de fazer juntos e tente fazer o que estiver ao seu alcance.  
3.    Dê apoio


Você pode ser o apoio das pessoas quando elas precisarem. Uma das vantagens de estabelecer conexões é que elas permitem que você aprenda sobre a situação de outras pessoas e as auxilie em momentos cruciais, ajudando-as a manter a própria vitalidade e independência.  A alimentação equilibrada e diversificada tem esse papel e, de certa forma, semelhante ao do Ensure® Advance, um suplemento nutricional com nutrientes essenciais (proteínas, HMB, vitaminas e minerais) especialmente desenvolvido para ajudar a manter e recuperar a massa muscular perdida por diversos motivos, seja por cirurgia, idade, doenças ou estilos de vida sedentários. 


 
Saber que podemos contar com o apoio dos nossos entes queridos nos faz sentir bem. Isso nos dá calma e confiança para recuperar as relações sociais e medidas de autocuidado que permitem manter o bem-estar e desfrutar mais da vida com uma abordagem mais holística.

 

 


BIBLIOGRAFIA

 

1.    Organización Mundial de la Salud. (s.f.). Salud mental: fortalecer nuestra respuesta. https://www.who.int/es/news-room/fact-sheets/detail/mental-health-strengthening-our-response   
2.    Organización Mundial de la Salud (2004). Promoción de la salud mental. https://www.who.int/mental_health/evidence/promocion_de_la_salud_mental.pdf    
3.    Mayo Clinic (2020). Covid-19 y tu salud mental. https://www.mayoclinic.org/es-es/diseases-conditions/coronavirus/in-depth/mental-health-covid-19/art-20482731 
4.    Organización Mundial de la Salud. (s.f.). Rehabilitación.  https://www.who.int/es/news-room/fact-sheets/detail/rehabilitation